Lifestyle

Por Redação 07.02.2020

Quer escapar do Carnaval? Um boa opção é zarpar para Orlando

Muitos brasileiros aproveitam o Carnaval em fevereiro para passar o feriado fora do País. E, às vezes, é até mais barato do que ir para as principais festas brasileiras. Um destino que sempre tem muito a oferecer nesta data é Orlando, na Flórida. Apesar do frio que ainda perdura por lá, não são poucas as atrações para quem decide aproveitar a cidade neste mês.

As opções são as mais variadas, vão muito além dos parques, passando pela meia maratona de princesas da Disney e os jogos de basquete do Orlando Magic, pela NBA; até o International Festival of Arts, no Epcot, e o Seven Seas Food Festival, no Sea World.  Há ainda o Mardi Gras, um tipo de Carnaval dos EUA, que é comemorado tradicionalmente em New Orleans. A Universal Studios busca trazer as tradições de New Orleans para Orlando e prepara uma festa bem típica em noites selecionadas de fevereiro até abril.

O cenário das compras também se mantém agitado durante a primeira metade de fevereiro, por conta do Dia dos Namorados, que nos Estados Unidos é comemorado em 14 de fevereiro, dia de São Valentim. Com isso, as vitrines e prateleiras ficam forradas de corações e preços sem grandes descontos. Isso não significa que não vale a pena fazer compras nessa época do ano, até porque muitos produtos continuam mais baratos do que os similares encontrados no Brasil (apesar do dólar).

Passado o dia dos namorados americano, uma nova onda de promoção se dá início, durante o feriado do aniversário de George Washington, o chamado President’s Day, celebrado na terceira segunda-feira de fevereiro nos EUA. Entre a sexta-feira anterior e o dia do feriado em si, muitas lojas (principalmente as dos outlets) entram em saldão e os preços despencam.

Onde ficar

Assim como acontece com lazer, gastronomia e compras, as opções de hospedagens  também são as mais variadas. Para quem viaja em família ou com amigos o Grupo Casa na Disney (www.casanadisney.com.br) tem ofertas que podem fazer da simples estadia uma diversão.  Além do custo menor, o turista que opta pelo aluguel de casas ou quartos também pode usufruir de outras vantagens, como a possibilidade de fazer um churrasco à beira da piscina, ter familiares e amigos reunidos no mesmo imóvel, usufruir da segurança de condomínios fechados, economizar cozinhando em casa e não se surpreender com a conta do hotel na hora do check-out. A decoração é um atrativo a mais para desfrutar da experiência.

“O aluguel turístico é uma opção para quem busca uma hospedagem divertida com maior privacidade, proporcionado à toda família uma experiência única de viver o encantamento da Disney”, afirma Ricardo Molina, CEO do grupo Casa na Disney.

Dados da consultoria Research and Markets sinalizam o mercado de aluguel de casas e quartos (o chamado Vacation Home) deve chegar a US$ 70 bilhões em 2020. Nos Estados Unidos, país que detém mais de um quarto desse mercado, esse potencial é ainda maior, particularmente por conta de famílias que viajam à Disney.

  • foto: divulgação
  • foto: divulgação
  • foto: pixabay
3