Gossip

Por Redação 16.05.2018

Amal Clooney x Tom Ford: a confusão na escolha do visual para o MET Gala

Quem viu Amal Clooney cruzando o tapete vermelho do MET Gala com o look assinado por Richard Quinn não imagina que a esposa de George Clooney se envolveu em uma confusão pela escolha do visual.  Horas antes de ir para o evento, Amal decidiu que não usaria mais o vestido feito por Tom Ford, o que enfureceu o estilista e parte do time da Vogue americana.

Depois que o atelier do estilista passou semanas criando um vestido exclusivo para a advogada, ela decidiu em cima da hora usar o visual dramático criado por Quinn. A equipe da Vogue tentou mediar a situação, aconselhando Amal a seguir o plano original, mas foram ignorados.

Fontes relataram ao site Page Six que quando os funcionários de Ford ficaram sabendo da mudança, eles “ficaram irritados, obviamente, porém foram muito graciosos e disseram que tudo bem (se ela usasse o outro design), mas que preferiam que Amal não usasse o vestido em nenhuma outra situação, se ela não fosse usar no tapete vermelho”. Já que Amal não usaria o look, Ford esperava que outra celebridade pudesse estrear o vestido inspirado em vitrais – que seguia o tema da festa, “Corpos Celestes: Moda e Imaginação Católica” -, em outra ocasião importante.

Mas Amal insistiu em trocar de roupa durante a festa, como Anna Wintour contou no programa “The Late Show”, e, depois das fotos da entrada, usou a loja de lembranças do museu para vestir a criação de Tom Ford, com a qual desfilou pelo resto da noite.

Representantes da Vogue e do Tom Ford se negaram a comentar a situação.

  • Amal Clooney se envolveu na maior confusão para cruzar o tapete vermelho com o look criado por Richard Quinn. (Foto: Getty Images)