RGTV

Por Redação 17.12.2019

Amor sob Olhares: playlist juntou o casal musical Thay Girão e Victor Jorge

Por André Aloi

A DJ e stylist Thay Girão, de 31 anos, e o produtor musical Victor Jorge, de 28, são o terceiro casal da websérie “Amor sob Olhares”, conteúdo original RG, apresentado por Lacoste Eyewear. O casal, que está junto há oito meses, se viu pela primeira vez em uma festa em que Thay estava tocando. Ela perguntou a uma amiga, foi stalkear, e o seguiu. O “follow” foi retribuído, mas não passou de um flerte virtual.

Na primeira vez que estiveram juntos, eles têm lembranças diferentes. “Ele olhou para mim e eu falei: ‘eu quero esse homem’. Mas ele não lembra de mim”, lamenta. “A primeira troca de olhares que lembro foi em uma balada. A gente nem se cumprimentou, mas ficou se olhando a noite inteira”, recorda ele. Durante quase um ano depois, o contato deles foi só por rede social.

SIGA RG NO INSTAGRAM

Com um estilo de vida parecido, com fins de semana agitados, a música foi a ponte entre os dois. “Uma vez, postei uma playlist (de antigas músicas de uma estação FM) e ele respondeu, falando que amava a rádio”, celebra. A timidez deu espaço para a aventura: um mês depois de namoro, eles já estavam morando juntos. “Nosso hobby é comer”, fala o virginiano sobre a devoção da namorada taurina. “É ir ao mercado e sair para comer”, completa ela. Os rolês preferidos do casal são shows e festivais, mas é claro que sempre tem tempo para um filminho, pipoca e Netflix.

Thay resume 2019 como um ano de aprendizado. A sintonia é tamanha, que ela tirou as palavras da boca de Jorge. “Tiveram muitas coisas boas e dificuldades. Mas o aprendizado e a coletividade ficam”. Para o ano que se aproxima, ela espera que as pessoas julguem menos e entendam mais o lado do outro. Jorge diz que espera mais realizações e evolução. “Prefiro não criar expectativa com as pessoas ou as coisas que vão acontecer. Para 2020, espero criar expectativa só comigo. O que tiver que ser, que seja”.

Depois da entrevista, o casal fez a troca de presentes. Eles escolheram os mesmos óculos da nova coleção Summer para trocar entre si: modelo Premium & Heritage (formato retangular modificado com ponte dupla de metal), da coleção Novak Djokovic. Thay escolheu a cor cinza para presentear Victor, enquanto ele pegou um tartaruga para ela. Leia o quiz #VerãoRG:

QUIZ
Quando eu olho dentro dos seus olhos, eu vejo…
Thay: …muita verdade, sinceridade, companhia, além de um namorado o meu melhor amigo, que está comigo em todos os momentos.
Victor: …uma pessoa muito batalhadora, muita força de vontade e que me ensinou muito sobre isso. Me ajudou muito em momentos difíceis da vida. Muita sinceridade, também. Uma pessoa incrível, que além de ser minha companheira amorosa, é minha companheira de vida. A gente se dá muito bem nessa vida!

Eu me vejo em você…
Thay: …em quase tudo. A gente é muito parecido. Às vezes, a gente se olha e a gente já sabe o que o outro está pensando ou vai falar. Acho que ele é a minha versão masculina, de tão parecido que a gente é.
Victor: …nos momentos de maturidade, de ter uma vida a dois, coletividade, uma independência. Nos meus momentos de atividade e força de vontade porque ela me ajudou muito nisso. E também quando estou comendo (ri).

Nascer do sol ou pôr do sol? Em qual deles você usa óculos de sol?
Thay: Como eu sou DJ, às vezes vejo o nascer do sol sem eu querer porque estou indo dormir. Me sinto melhor com o pôr do sol alaranjado. O óculos tem sua função básica, que é proteger a vista. Uso muito mais como acessório de moda, combinando com a roupa.
Victor: Eu gosto muito do pôr do sol, acho que prefiro. Mas também sou do nascer do sol, de virar o dia. Já passei ocasiões muito importantes, como aniversários e datas memoráveis, principalmente na praia. Eu passei a gostar mais (de óculos) por causa da Thay. Ela tem uma coleção enorme, que sempre tem coisas novas. Ela me mostrou muitos estilos que não conhecia ou que achava que não ficariam bons em mim.

Você tem alguma superstição de Ano Novo?
Thay: Minha família é de pular onda, comer lentilha. Eu nunca liguei muito. A única coisa que não consigo é passar Réveillon de preto. Uma vez quis, mas todo mundo me encheu tanto, que desisti. Então, só não passar de roupa escura mesmo.
Victor: Todas, pra mim. Sempre fui um cara supersticioso e a família também. Se você já pensa em uma coisa, você já está acreditando. Não tenho costume de pular onda, mas (topo) pra não causar aquela sensação de que está fora. Superstição é para você ter algo em comum e fazer parte de um grupo, antes mesmo de acreditar nela.

#AmorSobOlhares
Depois de um ano tão intenso como foi 2019, a ideia desses vídeos é contar a história de amor de casais que inspire outras pessoas. Além de Thay e Victor, convidamos o fotógrafo André Ligeiro e o modelo Alencar Reinhold, o PR Renato Buratto e o artista plástico Ildeu Lazarinni, além do life coach Thiago Arruda e a treinadora pessoal Shan Casa Nova. Com criação e produção de Stefano Carta e entrevistas de André Aloi, os vídeos foram feitos pelo filmaker Enrico Beer Boimond com make de Bruno Cézar. O último vídeo será lançado na quinta (20.12), quando inicia a temporada mais quente do ano.

  • Victor Jorge e Thay Girão estrelam episódio 3 de #AmorSobOlhares Foto: Reprodução
  • Victor Jorge Foto: Reprodução
  • Detalhe dos óculos de Thay Girão Foto: Reprodução
  • Premium and Heritage, da linha Summer de Lacoste Eyewear Foto: Reprodução
4