Lifestyle

Por Redação 30.10.2015

Listas RG: como sobreviver a uma degustação de vinhos?

Por Matheus Evangelista

Foi convidado para uma degustação de vinhos? Show! Esse parece ser o novo “it” convite do high. Todos estão recebendo para tal ocasião e você, claro, não vai ficar de fora. Então deguste tudo que puder. A lista RG desta semana vai tentar te ajudar a tirar esse evento de letra. Pra começo de conversa, não vá sozinho. Chame um amigo, um colega, alguém, qualquer pessoa. Encarar esse compromisso all by yourself é um erro – e se alguém te convidar para ir de acompanhante, tem que aceitar – a não ser que você odeie a pessoa em questão. Bebericar diversos tipos de vinhos com estranhos não e uma boa, aliás, é uma péssima ideia. Esse tipo de convite é uma provação – provação de sensatez, jogo de cintura e limite, porque é entre uma tacinha e outra que a gente vai ver se essa palavra existe mesmo no seu vocabulário. Duvidamos, claro…

1_ Tenha na ponta da língua as palavras “frutado”, “amadeirado” e “equilibrado” ou qualquer outra que termine com “ado”. Ninguém vai escutar mais nada depois da terceira taça…

2_ Comece bebericando. Degustação é para degustar, ou seja, vá com calma. Não beba como se estivesse numa festa. A gente sabe que a quantidade assusta, mas estamos só no segundo tópico e é bom se acalmar!

3_ Rodar a taça, cheirar a rolha, deixar o vinho respirar e qualquer outro movimento que seu amiguinho do lado fizer, faça também. Mesmo que você não esteja entendendo nada. Vai parecer que você está sacando tudo – mas não está entendendo absolutamente nada.

4_ A não ser que você tenha real interesse em enologia, todo programa não vai passar de desculpa para beber diversos tipos de vinhos bons for free.

5_ Goles moderados. Você não quer que ninguém perceba que está ali só pelo vinho… O truque é bebericar e deixa sempre um tantinho na taça. Logo vão encher com outro rótulo.

Leia mais: Listas RG: coisas que não gostaríamos de ver – mas já estamos vendo! – na SPFW

6_ Não invente de fotografar a garrafa ou de falar com os especialistas. O vinho é caro demais, não dá para bancar essa safra meu bem, e você vai se enrolar nesse chat que resolveu começar só pelo carisma. Por isso você trouxe um acompanhante. Lembra?

7_ Gole de fé: a taça com água não é figurativa, viu? Entre um golinho e outro é bom se hidratar para não dar aquele vexame no fim. E outra, a água ainda vai amenizar os seus dentes e lábios roxos.

8_ Não esqueça de petiscar alguma coisa. Sempre há alguns queijos, torradinhas ou uma massinha por perto. Beber de barriga vazia nunca dá certo…

9_ Decantando ou aerando o vinho? O que é um decantador de vinho? Meu deus, o que eles estão falando? Esse vinho está encantado!

10_ Não grite, não dê uma de sommelier e nem derrube nada na mesa – ser considerado, por estranhos, como o bêbado do grupo não é nada cool. Vai por mim…

11_ Faça pequenas pausas. Vá fumar um cigarro, dar uma volta. Se até o vinho precisa respirar, você também tem esse direito.

12_ Duas horas depois – sem paladar e equilíbrio -, time to go home! Não é hora de fazer a íntima, nem de tratar de assuntos polêmicos. Se enfie num taxi e vá para casa. Deixe o after para depois. A ressaca no dia seguinte vai ser puxada. Boa sorte!

  • Regra vale vinho e cerveja