Gossip

Por Redação 09.02.2019

Documentário polêmico sobre Michael Jackson traz novas alegações de abuso infantil

O advogado da propriedade de Neverland (rancho no qual Michael Jackson viveu) enviou uma carta de dez páginas ao diretor da HBO, Richard Plepler, criticando o filme como “unilateral e vergonhoso“.

SIGA O SITE RG NO INSTAGRAM

O polêmico documentário traz novas alegações de abuso infantil do cantor de “Thriller”. Entre eles estão os acusadores Wade Robson e James Safechuck, que disseram ter sofrido abuso na enorme mansão californiana de Jackson.

O documentário estreou no Sundance Festival no final do mês passado, e a HBO anunciou ontem que irá ao ar “Leaving Neverland” em 3 e 4 de março.

O advogado fala aos tabloides que Neverland ficou anos em processo com Robson e Safechuck, e teve quatro processos diferentes com os dois homens.

“Hoje, Robson deve à Fazenda quase US $ 70.000 em custas judiciais, e a Safechuck também deve a vários milhares de dólares.”

  • Michael Jackson Foto: Divulgação