Top

Filho de Ringo Starr cria selo musical e contrata rappers da Rocinha

Covil do Flow – Foto: Gwil Doe

O videoclipe com a música “Se Ela Joga”, do Covil Do Flow (CDF), reúne oito talentosos rappers da Favela Rocinha, que trazem em suas criações um forte apelo da crítica social à violência, mesclando toda a alegria, a vida na comunidade, a linguagem e a sensualidade das mulheres dos bailes da Rocinha. Integram o coletivo de artistas Jefferson Rodrigues (Nice), Victor Oliveira (VT), Josinaldo Galdino (Nalk), Igor Andrade (ROGI), Luam Marcelino (Marcelino), Victor Vergeti (Ami $ h), Anderson Pontes (Pescada) e Luiz Marcelino Queiroz (MDG).

SIGA O RG NO INSTAGRAM

Segundo Ami$h, um dos rappers do grupo, o trabalho da Covil do Flow visa mudar a vida das pessoas com um som festivo, uma canção de crítica social e uma mensagem positiva. “A ideia é mudar a vida das pessoas para que corram atrás dos seus sonhos. A arte pode realmente mudar a vida das pessoas. Acreditamos nisso”, destaca o artista. Ele explica que Covil do Flow (CDF) significa o covil dos rappers ferozes, indicando o desejo por mudanças sociais efetivas.

Cada membro do grupo sempre esteve ligado à música e à arte, embora tenham trabalhado muito para sobreviver. Em 2017 conheceram o rapper inglês Same Old Sean, que estava hospedado em uma casa na Rocinha, ao lado do estúdio que Nice (Jefferson de Souza) havia montado no alto da Rocinha no local conhecido como Laboriaux. Depois de ouvir as músicas do Covil do Flow, Sean mostrou seu trabalho e logo a amizade estava selada. Sean tornou-se oficialmente manager do CDF.

Sean passou 2 anos viajando repetidamente de Londres ao Rio com foco em Covil Do Flow, gerando interesse no grupo. Em julho de 2019, ele inspirou o músico e produtor Zak Starkey, filho de Ringo Starr e baterista do The Who e do Oasis, e sua parceira musical, Sharna “Sshh” Liguz, cantora e produtora australiana, a viajar ao Brasil para conhecer Covil Do Flow. Zak e Sshh são os fundadores do selo Trojan Jamaica distribuído pela BMG. Apaixonados pelo Brasil e pela música brasileira, Zak e Sshh viram o potencial do Covil do Flow como um jovem coletivo de artistas na comunidade da Rocinha do Rio de Janeiro e criaram o Trojan Brasil, assinando o CDF como o primeiro artista do selo. Em março de 2020, a música inicial “FavelaTown” foi colocada no YouTube e plataformas de streaming.

Atualmente, estamos preparando um grande lançamento da música “Se Ela Joga” do Covil do Flow no dia 25 de novembro pela Trojan Brasil e BMG.

Com um beat diferente e cadenciado, próprio para dançar, o novo rap “Se Ela Joga” fala de um baile na Rocinha e de toda a sedução entre homem e mulher. O clipe será dirigido por Gwil Doe, que viajou da Inglaterra para filmar o CDF. A música foi gravada em estúdio e filmada na favela.

Mais de Cultura