Cultura

Por joão victor marques 08.02.2020

Ator João Côrtes faz suas apostas para o Oscar 2020

O ator João Côrtes, que ficou conhecido por fazer diversas propagandas da marca de telefonia Vivo e depois emendar em inúmeros papéis na televisão e no cinema, contou ao RG quais são suas principais apostas para o Oscar 2020.

SIGA O SITE RG NO INSTAGRAM

A cerimônia dos 92º ganhadores do Academy Awards acontecerá neste domingo (09.02) em Los Angeles, nos Estados Unidos, e premiará os melhores do cinema americano e mundial.

Para Cortês, o filme que sairá com a estatueta de melhor longa-metragem – o prêmio mais importante e esperado da noite – será “1917”, do diretor Sam Mendes, que retrata a vida de dois soldados britânicos durante a Primeira Guerra Mundial.

“Eu acho que “1917” ganha o Oscar pela maneira ousada, brilhante, desafiadora e revolucionária que o filme foi executado. Pela maestria da parte técnica. 1917 pra mim é uma obra-prima. A fotografia é das coisas mais lindas que já assisti, cada plano, cada cena é uma pintura, um quadro lindíssimo. Sam Mendes transformou um roteiro em uma experiência cinematográfica inesquecível e avassaladora. Um filme de guerra que aborda justamente a tentativa incansável de um soldado, de impedir a própria guerra de acontecer.”

Já na categoria de melhor roteiro, o ator ousou em apostar que “História de um Casamento”, estrelado por Scarlett Johansson e Adam Driver e disponível na Netflix, sairá como vencedor.

“Estou torcendo para que “Marriage Story” leve o Oscar de melhor roteiro, por ser o tipo de roteiro que eu mais amo escrever. E, ao mesmo tempo, acredito ser o estilo de roteiro mais difícil de transpor para o papel. Falar sobre a delicadeza de uma separação, a delicadeza dos sentimentos, com diálogos tão sensíveis, tão sinceros e viscerais.”

Veja aqui as apostas de João Cortês em todas as categorias.

Melhor Filme: 1917
Melhor Ator: Joaquim Phoenix
Melhor Ator Coadjuvante: Brad Pitt
Melhor Atriz: Scarlett Johanson
Melhor Diretor: Bong Joon Ho – Parasita
Melhor Atriz Coadjuvante: Kathy Bates
Melhor Direção de Fotografia: Roger Deakins – 1917
Melhor Documentário: Democracia em Vertigem – Petra Costa
Melhor Filme Estrangeiro: Parasita
Melhor Roteiro: Marriage Story
  • joão cortês foto: divulgação
  • joão cortês foto: divulgação
  • joão cortês foto: divulgação
3