Cultura

Por André Aloi 07.11.2019

Lady Gaga: “pessoas nas favelas do Rio são as mais generosas que já conheci na vida”

Lady Gaga participou do podcast de Oprah Winfrey, chamado “Super Soul Conversations“, divulgado nesta quarta-feira (06.11), para falar de caridade. Em uma conversa com a apresentadora americana, a cantora revelou que já viu as partes mais sombrias do mundo, como quando foi voluntária durante a reconstrução dos Estados Unidos logo após ter sido atingido pelo Furacão Katrina, em 2005.

Eu viajei ao redor do mundo, não apenas para me apresentar, mas para fazer caridade. Vi pessoas que não têm absolutamente nada. Mulheres que não podem alimentar seus filhos, porque não têm comida, e ficam estressadas. Ou que não podem nem dar o seio (porque não sai leite). Tive crianças me olhando nos olhos, pedindo para levá-las comigo para casa”, revelou. “Vi as partes mais sombrias da Terra. O incrível que é até mesmo nas favelas, no Rio (de Janeiro), conheci as pessoas mais generosas na minha vida”, explicou, falando sobre generosidade.

A cantora disse ainda que tudo o que passou tem ajudado ela a ser diferente, ser mais grata pelo que tem. “Há muita gente sofrendo no mundo, mas me lembro do quão privilegiada sou, e me sinto grata por isso”. Ela diz que tenta praticar a bondade – e leva essa mensagem para sua equipe (na Haus of Gaga). “Temos de levar uma mensagem de amor e bondade para o restante do mundo para que as pessoas entendam um pouco de humanidade ao redor do Globo”, pontua.

A cantora esteve no País em 2012 para algumas apresentações. Na ocasião, ela visitou o morro do Cantagalo, no Rio de Janeiro, onde tomou cerveja em um boteco e jogou futebol com crianças moradoras de lá. Ela também tem uma tatuagem na nuca com a palavra: Rio.

  • Lady Gaga Foto: Getty Images