Cultura

Por Redação 30.04.2019

Fotógrafa sul-africana faz série de autorretratos

A fotógrafa e ativista sul-africana Zanele Muholi cria impressionantes autorretratos para sua série “Somnyama Ngonyama”. As imagens em preto e branco elevam os objetos cotidianos, como prendedores de roupa, óculos de sol e esponjas de arame, em elaboradas peças de cabelo e roupas que falam de identidade e resistência.

SIGA O RG NO INSTAGRAM

A extensa série de retratos foi recentemente compilada em uma monografia do Aperture, que contém uma conversa com a curadora londrina Renée Mussai, além de mais de 20 contribuições de escritores, curadores e poetas.

Zanele documentou pessoas negras lésbicas, gays, bissexuais, transgêneros e intersex em toda a África do Sul durante a última década. Eles são os cofundadores do Fórum para o Empoderamento das Mulheres e fundadores do Inkanyiso, um fórum para mídia queer e visual.

Ela atualmente vive e trabalha em Johannesburgo, na África do Sul, e é professora honorária da Universidade de Artes de Bremen, na Alemanha.

  • Foto: Reprodução/yanceyrichardson.com
  • Foto: Reprodução/yanceyrichardson.com
  • Foto: Reprodução/yanceyrichardson.com
  • Foto: Reprodução/yanceyrichardson.com
  • Foto: Reprodução/yanceyrichardson.com
  • Foto: Reprodução/yanceyrichardson.com
  • Foto: Reprodução/yanceyrichardson.com
  • Foto: Reprodução/yanceyrichardson.com
  • Foto: Reprodução/yanceyrichardson.com
  • Foto: Reprodução/yanceyrichardson.com
10